Efisica

Introdução

 


A medição de intervalos de tempo, a cada dia com maior precisão, é de grande interesse científico e tecnológico. Alguns processos físicos ocorrem em intervalos de tempo extremamente curtos (por exemplo, fenômenos atômicos envolvem tempos de 10-15s). Outros há que duram vários anos (o intervalo de tempo decorrido entre reaparições de alguns cometas é de algumas dezenas de anos). 

decaimento


Para cada intervalo de tempo decorrido, lançamos mão de métodos ou instrumentos diferentes. A questão da confiabilidade e da precisão da medida também influem na escolha do instrumento de medida de tempo.
Existem instrumentos e técnicas para medidas de tempo para fenômenos que ocorrem no cotidiano, medidas de tempo muito longas e medidas de tempo muito curtas.
A medida de tempo entre dois eventos se faz através da comparação com um tempo padrão. O tempo padrão mais utilizado é o segundo.
Entendemos agora o que significa medir intervalo de tempo em segundos. Tudo que fazemos no processo de medida é verificar quantas vezes o intervalo de tempo é menor (ou maior) do que o intervalo de tempo que adotamos como padrão (o segundo). Dizer que algo durou 5 segundos significa dizer que este intervalo de tempo é 5 vezes maior do que a unidade de tempo padrão.


 

 

Mecânica (Básico)

Seção 3 : Medições de Tempo

  1. Introdução
  2. Unidades de Tempo
  3. Escalas de Tempo
  4. Medições de Tempo no Cotidiano
  5. Experimentação

Seção anterior | próxima Seção

Sobre esta Página

Autores:

  • Gil da Costa Marques
  • Nobuko Ueta

Modificado: 2007-11-07

Tags

Recursos Relacionados

Contato

© 2007 - Centro de Ensino e Pesquisa Aplicada. Todos os direitos reservados