Efisica

Medição simultânea da corrente de tensão num resistor

 



A medição simultanea da tensão e corrente será possível se soubermos a correção UAà tensão medida na situação A e/ou a correção IV à corrente medida na situação B; para isso precisamos conhecer as resistências RA e RV dos medidores. A depender dos valores de R, RA e RV, a correção em uma das situações, ou mesmo em ambas situações, pode ser insignificante em relação à imprecisão da medida.

Por exemplo, se pudermos aceitar uma imprecisão de 1% nas medidas de corrente e tensão, a correção da tensão na situação A será desprezível para resistências R 100RA(o que implica UA UR/100) e a correção da corrente na situação B será desprezível para resistências R 100RV (IV IR/100).

Se as resistências do voltímetro e do amperímetro forem muito diferentes, então é mesmo possível que para valores de R que atendam simultaneamente ambas condições, se possa usar qualquer uma das situações sem que seja necessário, dentro da precisão considerada, corrigir as medidas.

Nesta prática nós vamos medir a corrente e a tensão em alguns resistores, nas duas situações, comparar os resultados e determinar qual a melhor maneira de medir simultaneamente a tensão e a corrente, nos resistores dados, com os aparelhos de medida dados.


 

 

Eletricidade e Magnetismo (Universitário)

Seção 7 : Medida simultânea de tensão e corrente

  1. Introdução
  2. Medição simultânea da corrente de tensão num resistor
  3. Procedimento experimental

Seção anterior | próxima Seção

Sobre esta Página

Autores:

  • Niels F. Lima

Modificado: 2007-05-16

Tags

Recursos Relacionados

Contato

© 2007 - Centro de Ensino e Pesquisa Aplicada. Todos os direitos reservados