Efisica

Variação do potencial de um condutor sob influência de outro corpo eletrizado


Suponhamos que um condutor A carregado com carga Q atinja o potencial V. Se aproximarmos dele um outro corpo eletrizado, por exemplo, positivamente, em A aparecerão, por indução, cargas elétricas positivas ( ) e negativas ( ). As cargas induzidas tem sinais opostos, mas, tem mesmo valor absoluto. Então, a carga total de A não muda: continua a ser o mesmo Q, pois . Mas, a carga aumentou a densidade elétrica da região em que apareceu, e a carga diminuiu a densidade elétrica da região em que apareceu. Portanto, apesar de a carga total de A não ter mudado, a distribuição da carga mudou.

Indução Mutua "Indução Mútua".

No tópico anterior vimos que, quando um corpo se eletriza, a densidade elétrica se distribui de modo tal que todos os pontos da superfície ficam ao mesmo potencial. Com a presença do outro corpo eletrizado, a distribuição da densidade elétrica de A muda, e, como consequência, o seu potencial também muda.


Resumo

 

O potencial de um condutor muda com a aproximação de outro corpo eletrizado. Por isso, todas as vezes que nos interessa o comportamento de um condutor determinado, devemos considerá-lo isolado de qualquer outro condutor.

 

© 2007 - Centro de Ensino e Pesquisa Aplicada. Todos os direitos reservados